linha vermelha

¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯¯

iconessociais

sexta-feira, 11 de julho de 2014

Playboy - Capa: Mari Silvestre - Edição Março 2014

Playboy - Capa: Mari Silvestre - Edição Março 2014 Confira as fotos da assistente do Caldeirão do Huck, Mari silvestre, capa da Playboy de março de 2014! Não é porque ela fala com todo mundo, ri e brinca que se deixa levar. Mari Silvestre, que estrela oPaparazzo neste sábado, 9, orgulha-se de ser difícil. Cantadas manjadas não colam com a coleguinha do "Caldeirão do Huck". "Tem um ator aí, que não posso dizer quem é, mas que pega geral, que levou uma canseira. Não adianta chegar chegando. Sou conquistada pelo olhar e pela gentileza. Gosto de ser surpreendida. Mas posso tomar a iniciativa se estiver muito a fim", garante ela, que durante o Rock in Rio andou trocando beijos com o ator Guilherme Leican: "Foram só beijos e nada mais. Somos apenas amigos". E amigos ela tem muitos. Mari acredita que é por ter um lado meio moleca. E um outro, diga-se de passagem, bem estabanado. Se houvesse um título inusitado para uma miss, certamente, ela ficaria com o de desastrada. A brincadeira tem razão de ser. Durante as fotos que fez para o Paparazzo, Mari quase caiu de uma cadeira, esbarrou em tudo e ao segurar um fio, por pouco, não tem um lustre espatifado na cabeça. "'Cuidado com ela!', é o que diz quem me conhece. No programa mesmo, às vezes esqueço e passo na frente da câmera. Já perdi as contas de quantas coisas quebrei. Olha só meu celular", mostra ela, com o visor do aparelho todo trincado: "Novinho e já quebrei". Mari credita a este jeitinho, digamos, desajeitado parte de seu carisma. "Acho que por ser assim, as pessoas acabam simpatizando comigo. Devem pensar: 'coitada, paga tanto mico. Deixa dar uma chance a ela'", diverte-se. No próprio Miss São Paulo 2012, Mari acredita ter sido "abençoada" por sua forma de lidar com os micos pagos constantemente. "Eu me achando, na primeira entrada da passarela, eu lá desfilando, dando aquela pinta de top, escorreguei e me estabaquei no chão. Pensei que ali já havia perdido o concurso. Mas levantei como se nada tivesse acontecido e voltei a desfilar com sorriso no rosto", descreve ela, que acabou eleita a miss daquele ano. O título e a carreira como coleguinha trouxeram muitas alegrias e diversão, mas também situações em que a saia foi justíssima. "Uma vez, em um evento em Foz do Iguaçu, um paraguaio pediu para fazer uma foto com ele. Eu, claro, aceitei. Ele já chegou dizendo que a foto deveria ser no colo dele. Fiz aquela cara de quem não entendeu e disse educadamente que não podia fazê-lo. Mas o cara ficou inconformado. Onde já se viu isso, gente?", surpreende-se.

Confira as fotos da assistente do Caldeirão do Huck, Mari silvestre, capa da Playboy de março de 2014!
Não é porque ela fala com todo mundo, ri e brinca que se deixa levar. Mari Silvestre, que estrela oPaparazzo neste sábado, 9, orgulha-se de ser difícil. Cantadas manjadas não colam com a coleguinha do "Caldeirão do Huck". "Tem um ator aí, que não posso dizer quem é, mas que pega geral, que levou uma canseira. Não adianta chegar chegando. Sou conquistada pelo olhar e pela gentileza. Gosto de ser surpreendida. Mas posso tomar a iniciativa se estiver muito a fim", garante ela, que durante o Rock in Rio andou trocando beijos com o ator Guilherme Leican: "Foram só beijos e nada mais. Somos apenas amigos". E amigos ela tem muitos. Mari acredita que é por ter um lado meio moleca. E um outro, diga-se de passagem, bem estabanado. Se houvesse um título inusitado para uma miss, certamente, ela ficaria com o de desastrada. A brincadeira tem razão de ser. Durante as fotos que fez para o Paparazzo, Mari quase caiu de uma cadeira, esbarrou em tudo e ao segurar um fio, por pouco, não tem um lustre espatifado na cabeça. "'Cuidado com ela!', é o que diz quem me conhece. No programa mesmo, às vezes esqueço e passo na frente da câmera. Já perdi as contas de quantas coisas quebrei. Olha só meu celular", mostra ela, com o visor do aparelho todo trincado: "Novinho e já quebrei". Mari credita a este jeitinho, digamos, desajeitado parte de seu carisma. "Acho que por ser assim, as pessoas acabam simpatizando comigo. Devem pensar: 'coitada, paga tanto mico. Deixa dar uma chance a ela'", diverte-se. No próprio Miss São Paulo 2012, Mari acredita ter sido "abençoada" por sua forma de lidar com os micos pagos constantemente. "Eu me achando, na primeira entrada da passarela, eu lá desfilando, dando aquela pinta de top, escorreguei e me estabaquei no chão. Pensei que ali já havia perdido o concurso. Mas levantei como se nada tivesse acontecido e voltei a desfilar com sorriso no rosto", descreve ela, que acabou eleita a miss daquele ano. O título e a carreira como coleguinha trouxeram muitas alegrias e diversão, mas também situações em que a saia foi justíssima. "Uma vez, em um evento em Foz do Iguaçu, um paraguaio pediu para fazer uma foto com ele. Eu, claro, aceitei. Ele já chegou dizendo que a foto deveria ser no colo dele. Fiz aquela cara de quem não entendeu e disse educadamente que não podia fazê-lo. Mas o cara ficou inconformado. Onde já se viu isso, gente?", surpreende-se.






































Comentários
1 Comentários

Um comentário:

  1. mari silvestre tem a buceta mais perfeita do mundo.

    ResponderExcluir

Comente aqui